Afinal, o que é a Fonoaudiologia?

Área da saúde que trata e aperfeiçoa os distúrbios da comunicação. Atua nas áreas:  audiologia, realiza avaliação da audição de todos as faixas etárias, através dos exames de audiometria, imitanciometria, emissões otoacústicas (teste da orelhinha), avaliação comportamental, potenciais auditivos evocados, exames vestibulares (investigação da função dos labirintos-equilíbrio) e avaliação do processamento auditivo central.

Realiza também a reabilitação auditiva através da seleção, indicação e adaptação de aparelhos auditivos, programação do implante coclear e reabilitação vestibular (indivíduos com distúrbios do equilíbrio).

Linguagem, atuando nos casos de:

– Motricidade Orofacial;

– Disfagia: Dificuldade de deglutição (engolir), por problemas neurológicos AVC (derrame), TCE, presbifagia (dificuldade de engolir em idosos), Alzheimer, Doença de Parkinson, Esclerose Lateral Amiotrófica, Câncer de Cabeça e Pescoço, entre outras patologias;

– Paralisia facial: Um lado ou os dois lados da face ficam sem movimento por problemas como AVC, acidentes, cirurgias ou Paralisia de Bell (paralisia súbita);

– Respiração Oral: Indivíduos que roncam, que mantém a boca sempre aberta, dificuldades em respirar pelo nariz;

– Ronco e Apnéia: Adultos que apresentam dificuldade respiratória e reclamação de ronco exagerado e paradas respiratórias durante o sono;

– Cirurgia Ortognática: Indivíduos que realizam cirurgia de mandíbula ou maxilar e precisam adequar a musculatura facial, pré e pós operatório;

– Estética facial: Realizado fortalecimento da musculatura da face contra as linhas de expressão (rugas) promovendo uma aparência jovem;

Voz falada: Profissionais da voz como por exemplo os professores e radialistas, que podem apresentar patologias (nódulos, pólipos, cistos, paralisias) nas pregas vocais e também nos casos de aperfeiçoamento e reeducação vocal;

– Dicção: Melhorar e aperfeiçoar a articulação;

– Voz cantada: Cantores que precisam melhorar a qualidade vocal e prevenir possíveis alterações vocais.

 

Bruna Sperling Morgan – fonoaudióloga